A BÊNÇÃO EM SEU LAR

Nossa vida é o nosso melhor sermão! Todos nós sabemos que viver em família requer de nós uma disposição total de obediência, amor e renúncia diários. Seja em relação a Deus ou as pessoas que estão ao nosso lado, o exercício permanente da fé cristã é o que nos manterá abençoados, felizes e em paz. 



Se houver desentendimentos ou ofensas, procure imediatamente o conserto com o Senhor e com a parte envolvida. Muitas vezes, a mágoa, o ressentimento e a falta de perdão fecham os céus para as respostas de nossas orações e as portas para a comunhão entre nós, o Senhor e os nossos familiares. Pedro aconselhou as esposas a serem prudentes no falar e no agir, sabendo que a submissão, a humildade e a temperança são instrumentos preciosos na edificação do lar. Cuide de suas palavras em todo tempo. “Porque quem quer amar a vida, e ver os dias bons, refreie a sua língua do mal,e os seus lábios não falem engano” (v.10).



Mude o ambiente de seu lar mudando a sua forma de pensar e de falar. Se houver algum tipo de desentendimento entre o esposo e a esposa, ambos devem buscar o conserto e exercitar o perdão. “Igualmente vós, maridos, coabitai com elas com entendimento, dando honra à mulher, como vaso mais fraco; como sendo vós os seus co-herdeiros da graça da vida; para que não sejam impedidas as vossas orações” (v.7). Deus não responderá as orações de maridos insensíveis e duros de coração. 



Para que a paz seja constante o exercício do perdão e do diálogo devem ser permanentes. “Não tornando mal por mal, ou injúria por injúria; antes, pelo contrário, bendizendo; sabendo que para isto fostes chamados, para que por herança alcanceis a bênção” (v.9). Aproveite cada situação de sua vida para que Deus possa tratar com você. “Aparte-se do mal, e faça o bem; busque a paz, e siga-a”.



Ministérios


Notícias


DEVOCIONAIS EM VÍDEOS